Carta a um professor


Olá professor! 
Eu não sei muito bem como começar isto, mas olhe: eu sei que o senhor é super inteligente e culto, mas não diga coisas que não tem a certeza, está bem? 
As suas aulas são difíceis de aguentar! Duas horas e meia a falar do mesmo? Vamos admitir que cansa!
Hoje falou sobre Viana e talvez não saiba, mas tem duas alunas de lá! E sabe que o quão elas ficaram orgulhosas quando disse "Sabem qual foi a primeira cidade a bulir as touradas? Viana!". Sabe bem ouvir coisas boas sobre a tua terra! E sair da sala e ouvir "Não sabia que Viana estava tanto na vanguarda da cena!". Oh pah, que orgulho na terrinha!
No entanto, a sua referência aos fatos tradicionais usados, correu-lhe mal! Sabe, não é por a mulher se vestir de preto, que é viúva! O fato preto pertence à noiva, na verdade! Sim, desculpa lá! E não, em Viana não se usam sete saias! Isso é na Nazaré! Pois... 
Mas vá, seja feliz!
Até para a semana!

Gostava de ter a coragem para enviar isto a um dos meus professores, que hoje na aula se lembrou de fazer três referência a Viana... Porque como diz o "slogan" da cidade:
Quem gosta vem, quem ama fica!
Sejam felizes, meus amores! 

2 comentários:

  1. Gosto muito de Viana, mas infelizmente só lá estive de passagem. Quero muuuuito voltar e descobrir!

    ResponderEliminar
  2. Era interessante esse professor falasse só do que sabe :p

    ResponderEliminar

Olá pessoa que está desse lado!
Adoraria saber o que pensas sobre o que escrevi!
Sê feliz! :)